A maioria das pessoas tem o sonho de comprar o seu próprio imóvel e trabalhar na montagem e decoração dos cômodos. Esse sonho é alimentado por vários fatores, como a independência em relação a pagamentos de aluguéis, maior liberdade financeira e sentimento de autonomia.

Já na parte decorativa, muitas pessoas buscam escolher as composições de maneira individual, visto que essa é uma questão muito pessoal. O gosto, independente, do tipo é, totalmente, particular e muda de pessoa para a pessoa.

Para facilitar esse processo de montagem residencial, compra e posicionamento dos móveis, elaboração das divisões dos cômodos e decoração dos espaços, lojas e empresas trabalham exclusivamente para auxiliarem no planejamento, nas escolhas e também na etapas efetivas da decoração.

Neste artigo, apontaremos e traremos dicas sobre algumas escolhas que podem ser feita por você, leitor, para que a sua residência seja decorada com componentes elegantes, composições harmônicas e de qualidade.

Criar ou renovar os espaços de uma residência pode ser uma tarefa bastante difícil, complexa e desgastante, mas que pode ter resultados, totalmente, compensadores.

É um sensação única quando você compra todos os móveis, materiais e estruturas que você precisa e aplica na sua residência e vê o resultado que você desejava.

Essa sensação depende da competência dessa montagem e da escolha adequada dos elementos que serão usados.

As dicas que daremos a seguir e para que você obtenha o melhor resultado possível, atingindo o sonho de criar um espaço bonito, confortável e organizado.

Iluminação dos cômodos

Nosso primeiro apontamento será sobre a questão da iluminação do imóvel. Muitas casas e apartamentos recebem bastante a energia natural, proveniente dos raios solares.

No entanto, a noite isso não é possível, portanto é fundamental a disposição de equipamentos que propicie uma iluminação artificial para a residência.

As lâmpadas posicionadas no teto é a principal forma de iluminação, no entanto, é plenamente possível comprar e instalar estruturas que sejam funcionais nesse quesito, mas que de uma cara diferenciada para os espaços da casa.

Nos horários diurnos, em que a luz invade com facilidade o entorno da casa, é imprescindível a instalação de cortinas nas janelas, para que a luz seja diminuída.

Existem diferentes tipos de cortinas, feitas de diversos materiais, como a cortina blackout rolo, um tipo de cortina bastante usada nas janelas das salas dos imóveis.

Esse tipo de cortina normalmente é confeccionado de cores mais escuras, e possibilitam total atenuamento da entrada da luz natural.

No entanto, como dissemos, as opções são variadas, e podem ser escolhidos de acordo com o gosto de cada pessoa.

Conheça alguns tecidos bastante utilizados em cortinas residenciais:

  • Tecidos voil;
  • Sarja;
  • Linho;
  • Seda.

Uma opção para o posicionamento das lâmpadas, que podem ser usados tanto em ambientes como os quartos e as salas, e que dá uma aparência mais elegante para o ambiente, é aplicar uma sanca de gesso.

Esse elemento é como gesso rebaixado, ou seja, um rebaixamento de uma estrutura posicionada os tetos dos cômodos.

Esse rebaixamento permite que sejam posicionadas diversas lâmpadas, iluminando o determinado ambiente, melhorando o embelezamento do espaço e modificando a forma simplista de iluminação que estamos acostumados a ver.

Revestimentos

Materiais como gesso também são muito utilizado para dividir móveis. É uma forma diferenciada de ampliar e organizar os espaços residenciais. Esses é o gesso acartonado, também conhecido como paredes de drywall.

Essa composição é excelente para quem tem um espaço com poucas divisões e quer mudar a estruturação dos cômodos. No entanto, por serem feitos de gesso e um revestimento de papel, essa composição permite facilmente que o som ultrapasse a barreira da parede.

Para melhorar essa acústica desse item, ou a acústica de qualquer cômodo da sua casa, é possível aplicar uma camada de perfil para forro de PVC, que são forros que diminuem a entrada e saída de sons nos ambientes que contêm essa estrutura.

Aplicações nas paredes, como os perfis de PVC, serão os últimos apontamentos do nosso texto. Existem várias formas de protegermos e aumentarmos a resistência das paredes de nossas casas, nos diferentes cômodos.

Ao pintar com tintas impermeabilizantes, que evitam mofos, decorar com papéis de parede, ou ao aplicar materiais como revestimento para cozinha, que é um revestimento tridimensional muito usado, é possível conferir mais beleza e resistência aos ambientes e estrutura