Na realização de grandes obras da construção civil, é muito comum a realização de técnicas como a Terraplanagem de terreno. Como o nome sugere, esse procedimento visa a fornecer mais informações sobre as condições do solo de um terreno e isso pode ser um diferencial na hora de elaborar projetos.

Afinal, você sabia que as características topográficas podem interferir na avaliação de riscos de construir em um terreno ou podem direcionar melhor o trabalho de drenagem em uma obra?

Considerando que esse é um conhecimento bastante específico e que dificilmente um engenheiro civil terá todas essas informações, empresas que trabalham com Terraplanagem de terreno e topografia agregam muito na parte inicial de um projeto.

Ter essa visão holística de como a geografia de um lugar pode ser a mais apropriada (ou não) para a construção de uma edificação é importante.

Quer saber mais detalhes sobre a terraplanagem, a análise do solo e os equipamentos mais utilizados nesse tipo de processo pré-obra? Continue lendo este artigo!

Por que a terraplanagem é importante?

Não conhecer nada do terreno onde você deseja construir um empreendimento comercial ou uma residência pode ser um grande erro, com consequências em longo prazo.

É por isso que os serviços topográficos ainda continuam sendo muito atuais, pois permitem que o profissional de construção civil saiba sobre todos os riscos, irregularidades do solo, dificuldades e características que podem favorecer a obra.

Com drones, ferramentas de análise, retroescavadeiras ou equipamentos como o Compactador de Solo Aluguel, é possível ter acesso a essas informações e deixar a terra preparada para uma intervenção.

Há diversos modelos de compactadores de solo, mas independentemente das variações, esse é um instrumento que serve para:

  • Ajustar a densidade do solo;
  • Preparação do solo;
  • Alinhamento do terreno;
  • Adequação da terra para a construção de fundações.

Além dos compactadores de solo, o processo de terraplanagem pode envolver equipamentos como a escavadeira, que serve para cavar terra, assim como tratores do tipo retroescavadeira e rolos compactadores

Processos envolvidos na terraplanagem

O principal objetivo da terraplanagem é investigar se as condições do solo são favoráveis à obra em questão.

Além da coleta topográfica, a terraplanagem também engloba outros processos como: remoção do excesso de terra, demolição, drenagem e escoamento da água, aterramento e remoção de resíduos que surgem a partir de árvores e plantas.

Na prática, tudo isso é muito importante para garantir que o solo está preparado da melhor forma possível para receber a obra.

Esse tipo de cuidado evita deslizamentos de terra, acidentes por causa de construções irregulares e ajuda as empreiteiras a elaborar estratégias para um projeto mais seguro.

Equipamentos usados na terraplanagem de terreno

Assim como outras técnicas de diagnóstico e preparo da terra, a terraplanagem também oferece mais resultados quando conta com os equipamentos adequados nesse processo.

Além dos compactadores de solo, uma ferramenta que pode ser muito útil nesse tipo de processo é o martelete.

Em terrenos que contam com rochas ou sedimentos em grande quantidade, muitas vezes é preciso adequar a área para a intervenção e como o nome sugere, esse equipamento funciona como um martelo que perfura as rochas.

Das escavadeiras à esse tipo de solução, os equipamentos fazem toda a diferença em relação ao trabalho com o solo.

Além de otimizar o processo de diagnóstico e preparo do terreno, instrumentos de qualidade proporcionam a precisão na coleta das informações que é algo tão valorizado para iniciar uma construção civil.

Graças à Locação de martelete e outros equipamentos, as empresas não precisam comprar os instrumentos para fazer a terraplanagem, apenas precisam saber quais são e buscar as soluções de aluguel.

Também é possível alugar uma caçamba para entulho para descartar os resíduos sólidos da construção de maneira adequada, evitando impactos negativos sobre o meio ambiente.

Vantagens terraplanagem

Com o apoio das empresas certas e disposição dos instrumentos adequados, a terraplanagem oferece várias soluções para quem deseja construir ou reformar em um ambiente desconhecido.

Ao saber que determinada área é mais úmida ou está em uma condição frágil para iniciar uma obra, certamente o engenheiro da obra fará procedimentos especializados para que a edificação só comece a progredir quando o solo apresentar mais firmeza.

Se a necessidade for quebrar as rochas ou ajustar os sedimentos de modo não atrapalhe a edificação, uma furadeira martelete pode ser a solução e a vantagem é a adequação do terreno de forma ágil e prática.

Quando o engenheiro civil e sua equipe conhecem as características de um terreno em profundidade, fica mais fácil planejar a proteção da obra contra deslizamentos, acidentes ou qualquer outra situação de risco.