Você conhece o poliestireno expandido? Bom, talvez usando o nome científico se torne mais difícil, mas eu tenho certeza que você já ouviu falar do isopor.

De modo geral, o isopor é um tipo de plástico e ele pode ser moldado de várias formas, sendo possível encontrar inúmeras aplicações para ele no dia a dia.

Presente em diversos setores do mercado, é bem utilizado pelas pessoas por ser um material leve, barato e ainda é isolante térmico. Entre os lugares que você pode encontrar o isopor, temos:

  • Caixa térmica;
  • Baldes para gelo;
  • Embalagens para proteção de produtos;
  • Pranchas esportivas;
  • Esferas para vitrines;
  • Trabalhos escolares;
  • Bandeja para mudas.

Isopor: ótima opção para isolamento térmico

A caixa térmica de isopor é excelente para a preservação da temperatura de bebidas e comidas.

Como já é conhecido por todos, o isopor tem um poder de isolante térmico muito bom, sendo usado na maioria dos casos como uma caixa térmica, onde são colocadas bebidas ou até comidas, dependendo dos casos.

Provavelmente você já viu que em alguns lugares, junto com a bebida que você recebe, vem um porta-copo ou porta-garrafa com forro de isopor, justamente para conservação da temperatura.

É muito comum vermos também pessoas em churrascos, praias ou até mesmo nos carnavais de rua andando com caixas de isopor, com bebida e gelo, para manter tudo bem geladinho.

Seguindo essa mesma linha de raciocínio do porta-copo, porta-garrafa e da caixa, temos o balde para gelo, que também é muito usado para os mesmos fins citados acima, por conta da capacidade isolante.

Outras utilizações e funções do isopor

Quem nunca comprou um produto e, ao abrir a embalagem, retirou peças e mais peças? Na compra de uma televisão, rádio, eletrodomésticos ou materiais mais frágeis, é comum encontrarmos dentro das caixas pedaços de isopor para proteger o produto.

Também temos o isopor servindo para a fabricação de pranchas esportivas para surf. Traz inúmeras vantagens, onde podemos citar a questão do manuseio fácil, tanto na moldagem quanto no acabamento e na pintura da prancha.

As esferas para vitrines, ou como são conhecidas “esferas para vitrinismo”, são aquelas bolas de isopor que encontramos em papelarias comuns, mas que são usadas como forma de decoração, já que o material apresenta fácil manuseio quando o assunto é pintar ou decorar.

Ainda no ramo da decoração, também existem molduras que são conhecidas por fazerem o papel do gesso, substituindo-o em detalhes decorativos, um exemplo disso são rodapés nas casas.

Muitas vezes, pelo isopor como objeto de decoração ser um material mais acessível, o consumidor opta por colocá-lo no lugar do gesso. Cria um visual bem bonito e é uma opção mais econômica.

Ao procurarmos moldura, vemos que há uma variação do valor de acordo com a metragem, portanto, dependem do tamanho, desenho, formato e outras características.

Se você já passou pela escola, com certeza utilizou o isopor em trabalhos, seja para montar casinhas no jardim ou extensos projetos de física e biologia no colegial.

É muito comum o aluno passar pela vida estudantil tendo que montar maquetes, construir o sistema solar, representar células e por aí vai… Em todas essas situações, é utilizado o isopor.

A montagem das maquetes costuma ser toda baseada nesse material. A base, casas, prédios e qualquer estrutura é feita com ele.

Para representação de um sistema solar, por exemplo, que também pode ser considerado um tipo de maquete, são utilizadas para reprodução dos planetas as mesmas esferas citadas acima, as esferas para vitrine.

E nas aulas de biologia, muitos professores usam também essas esferas, em tamanhos bem pequenos, juntamente com palitos de dente ou de churrasco, para mostrar ao aluno as estruturas celulares.

A bandeja para mudas é uma das formas para cultivo das plantas. Elas apresentam uma atenção especial no período da germinação, fazendo com que o desenvolvimento seja uniforme.

O isopor tem muitas utilidades, basta você saber como e quando usar para aproveitá-lo sempre. Além de tudo, é um material reciclável!