Todo mundo diz que não se deve começar a construir a casa pelo telhado – e é verdade tanto quanto óbvio, claro – mas ele deve ser um dos primeiros pontos a ser pensados, pois pode influenciar em todo o projeto da casa.

A telha colorida ou telha esmaltada, é uma das várias opções que estão à disposição no mercado. Como seu próprio nome já diz, ela foge do convencional e dispõe de várias cores e por isso são caracterizadas por sua beleza.

A telha não vem colorida, ela recebe uma camada colorida, conhecida como camada vítrea. Essa camada acaba proporcionando mais resistência, reduz o envelhecimento das telhas e torna menor a possibilidade de infiltração na casa.

Na hora de escolher um bom profissional, escolha um pedreiro capacitado, pois este irá lhe aconselhar a escolher esse uso de telha em locais como varanda e churrasqueira.

A escolha desses dois locais da casa se deve pelo fato de comumente não terem forro no teto, e assim é possível que as telhas sejam da mesma cor que o interior da residência.

Como escolher a telha correta?

Escolher o teto de sua casa é de extrema importância, por isso é necessário escolher a telha certa.

Também conhecida como telha de barro, a telha cerâmica tem como principal característica atuar como barreira térmica, pois ela consegue evitar que o ambiente esquente ou esfrie demais, mantendo uma temperatura agradável em todos os períodos.

Esse telhado costuma dar mais trabalho para quem os têm. Devido à sua telha de cerâmica, a manutenção precisa ser mais constante, porque é comum elas quebrarem e trincarem com maior facilidade, e por isso é uma desvantagem.

Outra característica das telhas de cerâmica é sua diversidade de formas e podendo ser escolhidas dependendo do projeto. Encaixe, inclinação do telhado e rendimento são motivos decisivos na hora de escolher qual formato de telha usar.

Um tipo de telha muito conhecida é a telha colonial. Ela tem como qualidade principal o fácil escoamento de água.

Devido ao seu formato e colocação, a água escorre com maior facilidade e assim evita possíveis infiltrações, é muito indicada para regiões com altos índices pluviométricos.

A importância da escolha certa do telhado vai muito além de estética, ele ajuda na preservação e segurança da residência.

Existem no mercado, determinados tipos de telhas, que podem ser facilmente encontrados, como: telhas cerâmicas, telhas de fibrocimento, telhas de PVC, telhas coloridas, telhas de concreto, telhas de zinco.

Além dos tipos mencionados acima, pode-se dizer que os modelos variam e ajudam a compor telhados de especificações distintas. Conheça alguns modelos:

  • Telha romana: essa telha deve ser utilizada em telhados de mesma forma, possui baixo custo e é encontrada principalmente em cerâmica;
  • Telha francesa: mais indicada para locais em que há ventos fortes e inclinação, pois possui fácil encaixe entre elas;
  • Telha portuguesa: esse tipo é adequado para telhados que tenham um acabamento ondulado;
  • Telha plan: a estética se assemelha a telha colonial e tem um design simples com fácil encaixe;
  • Telha colonial: como já mencionada no texto, apropriada para regiões com muita chuva;
  • Telha termoplan: telha para pessoas que querem ter um isolamento térmico e ficar longe da umidade;
  • Telha germânica: tem um formato reto.

Ao unir os tipos e modelos de telhas, o melhor telhado para residências deve ser escolhido pela necessidade de cada local.

Reforma: fique atento às condições do telhado

A reforma de telhados é algo muito importante para as residências e deve sempre ser tratada com a devida atenção para a segurança e comodidade dos moradores.

Uma telha quebrada ou rachada pode ser prejudicial aos ocupantes das casas, pois podem conduzir a outros problemas internos (infiltração), e estruturais (estruturas fracas que podem levar a desabamentos).

A reforma deve ter bons profissionais que entendam de telhas, seus tipos e modelos. Ao comprar novos materiais, deve-se saber qual a finalidade de cada, suas principais características e para quais casos são indicadas.

O telhado é aquilo que protege as residências, portanto ele deve sempre estar em excelentes condições para não ocorrer nenhum tipo de acidente e desconforto.

Agora que já conhece as principais diferenças entre as telhas, construir o telhado ideal ficou fácil.